Publicado em Deixe um comentário

Dicas Para Emagrecer na Quarentena

Se engana quem pensa que quarentena é sinônimo de sair da dieta ou deixar de se exercitar.

O que não faltam são sugestões de cardápios e treinos que podem ser feitos sem precisar sair de casa sendo possível, sim, obter ótimos resultados, sem precisar ir à academia.

E você que não estava com tempo de se exercitar, que tal aproveitar o momento para entrar em forma e dar uma virada radical?

Pensando nisso, resolvemos separar incríveis dicas que podem te ajudar, e muito, a emagrecer sem sair de casa. Confira abaixo!

Dicas para emagrecer na quarentena

Planeje

Sem dúvida, tudo começa com um bom planejamento. Com um horário definido, treino montado e rotina organizada.

Sendo assim, determine um horário, em que não será interrompido. Monte opções de treino e organize toda suas atividades diárias.

Prepare um cardápio personalizado

Sem dúvida, não dá para emagrecer consumindo mais calorias do que o seu corpo é capaz de gastar. Isso é matemática. Sendo assim, monte uma dieta que se encaixe com sua realidade e sua meta e prepare sua alimentação previamente.

Hoje já existem vários sites na internet disponibilizando diferentes opções de cardápios voltados para quem quer emagrecer.

Outra ótima dica é fazer uso de suplementos naturais, e o 100 peso é um emagrecedor natural que se usar de forma correta e juntamente com exercícios físicos e uma boa alimentação, você irá conseguir perder peso de forma natural.

Pratique exercícios

Não se deixe levar pela tentação de ficar dormindo ou deitado em frente á TV na maior parte do dia, mexa-se!

Se movimente mais. E vale dançar ou assistir aulas em vídeos (tem muitas opções na internet).

Beba muita água

Muitas vezes o que parece quilinhos a mais, nada mais é que inchaço, por conta do excesso de sal na alimentação, ocasionando a retenção de líquido.

Por isso, beba muita água, até por conta da quarentena, na qual é pedido que se beba muita água.

Além de eliminar uma possível retenção, ainda estará colaborando para a saúde, como um todo.

Coma menos e mais vezes

Infelizmente, toda essa tensão com o problema, além do fato de ter que se ficar em casa, isso tudo, acaba gerando mais ansiedade e, logo, mais vontade de comer.

Procure se ocupar, não com notícias alarmantes, que só irão desencadear mais estresse e ansiedade e, logo, levar a mais compulsão alimentar, mas assistindo filmes, ouvindo música e dançando, enfim… ocupe a mente.

E evite passar horas sem comer, já que isso pode desacelerar seu metabolismo, entre outros malefícios, para o emagrecimento.

Assim sendo, coma menos e mais vezes ao dia.

Procure dormir bem

Ao contrário do que muita gente pensa, o sono é fundamental para o processo de emagrecimento, já que ele permite que o corpo se recupere, além de fazer todo o trabalho hormonal.

Assim sendo, invista em uma boa e reparadora noite de sono, principalmente, se deseja emagrecer em casa, sem academia.

Equipamentos

Nunca é demais aquela ajudinha extra na hora de fazer exercícios e, nesse sentido, alguns equipamentos podem fazer toda a diferença. Certamente, nessa hora, vale improvisar alguns, mas outros são fáceis de ter em casa, como, por exemplo, corda, elástico tensor,bicicleta ergométrica, um kit de body pump…

E é isso, agora em tempos de quarentena, nunca é demais receber algumas dicas para conseguir emagrecer em casa, de uma forma simples e eficaz. Agora é ter foco e não associar prazer com guloseimas, evitando, dessa forma, a cada filme ou séries que assistir, virem acompanhados de um prato de brigadeiro ou pipoca.

Publicado em Deixe um comentário

9 medicamentos homeopáticos para tratar a tosse

Sven Sommer, terapeuta (heilpraktiker) e escritor de vários trabalhos sobre homeopatia, explica quais são seus remédios caseiros ou homeopáticos para a tosse de origem viral (80% dos casos). Mas primeiro é necessário descartar outras origens da tosse.

Entre as possíveis causas da tosse estão as seguintes:

  • Pouco escarro ou escarro claro e febre leve: infecção viral (gripe ou resfriado comum).
  • Escarro amarelo-esverdeado, muito muco e febre leve: bronquite produtiva.
  • Febre alta e mau estado geral: pneumonia, gripe, malária.
  • Dificuldade respiratória e febre alta: pneumonia.
  • Dor aguda no peito ao tossir: pneumonia, pleurisia, infecção por gripe.
  • Dificuldade respiratória sem febre: asma, doença cardíaca coronária.
  • Ataques de tosse que podem levar a vômitos, dificuldade respiratória: tosse espástica, tosse convulsa, asma.
  • Tosse que dura mais de 8 semanas: bronquite crônica, tuberculose, câncer de pulmão.

Dada a menor suspeita de que a tosse pode ser mais do que um processo viral, você deve ir à sala de emergência para receber um diagnóstico confiável. Mas se a tosse for causada por uma gripe ou um resfriado, não deve ser negligenciada, pode ser complicado tornar-se bronquite ou pneumonia.

Os idosos correm mais perigo, porque sua resposta imune não é tão intensa e eficaz quanto a de um jovem. Também é conveniente consultar um médico com qualquer tipo de tosse.

MEDICINA NATURAL E HOMEOPATIA SÃO TRATAMENTOS EFICAZES PARA A TOSSE

Além das controvérsias teóricas, a eficácia da medicina natural (plantas, homeopatia e outras terapias) é bem conhecida pelos profissionais e pacientes que os utilizam.

Na Alemanha, onde Sommer foi formado, embora atualmente viva na Espanha, 80% das 7.000 pessoas pesquisadas pela Fundação Bertelsmann e Marmer GEK responderam que a homeopatia melhorava sua saúde ocasionalmente. E metade da população alemã já usou um medicamento homeopático.

Na Espanha, 53% da população depende de medicamentos homeopáticos e as pessoas que o utilizam estão entre os que têm mais estudos, segundo um estudo da Fundação Espanhola de Ciência e Tecnologia.

DICAS GERAIS SOBRE CUIDADOS COM A TOSSE

Para que uma tosse leve cause o menor desconforto possível e remita em um curto período de tempo sem complicar, você pode tomar várias medidas em casa desde os primeiros sintomas.

  • Beba muita água e infusões, pois facilita a eliminação do muco. Também torna a tosse mais suave, menos incômoda.
  • Inspire e esfregue o peito e as costas com misturas de óleos essenciais (camomila, eucalipto ou tomilho) com um óleo base (óleo de amêndoa, coco ou gergelim).
  • Bata suavemente no peito e nas costas com a mão em concha para impedir que o muco saia.

MEDICAMENTOS HOMEOPÁTICOS QUE GERALMENTE SÃO USADOS ​​EM CASO DE TOSSE

Os medicamentos homeopáticos não têm legalmente uma indicação médica. Na medicina homeopática, eles são escolhidos com base nas características do paciente, e não apenas nos sintomas que ele mostra.

Assim, o mesmo remédio homeopático pode ser usado com pessoas que apresentam sintomas diferentes, e uma tosse leve pode ser curada com medicamentos diferentes.

No entanto, os homeopatas usam uma série de medicamentos com frequência especial . Para escolher qual é o mais apropriado para o seu caso, veja qual melhor corresponde às suas reações:

  1. Tosse súbita, curta e chiado, com uma sensação de asfixia. Sentimentos de medo e inquietação: Aconitum C30, a cada 30 minutos.
  2. Tosse seca e dolorosa; irritante ao respirar fundo, geralmente com facadas no peito, que fazem com que o paciente segure o peito; Muitas vezes, precisa beber coisas frias: Bryonia C30 a cada 4 horas.
  3. Cãozinho e tosse seca: Belladonna C30, a cada duas horas.
  4. Tosse com sensação de cócegas na úvula ou sino, náusea, vômito e estalos nos brônquios, sensação de asfixia: Ipecacuanha C30, a cada duas horas.
  5. Tosse seca muito dolorosa, muita sede de bebidas geladas, febre, voz rouca, afonia ou perda total da voz: Fósforo C30, a cada 12 horas.
  6. Tosse permanente que melhora quando esticada, acompanhada de olhos e muco vermelhos e lacrimejantes: eufrasia D12, a cada 4 horas.
  7. Tosse e afonia devido ao menor estímulo da tosse fria, crepitante e leve, mas também tendendo a dores sufocantes e facadas na laringe: Hepar sulfuris C30, a cada 4 horas.
  8. Tosse espástica forte que rouba a respiração, constrição torácica com dificuldade respiratória: Cuprum metallicum C30, a cada duas horas.
  9. Escarro verde amarelado pela manhã, à noite, tosse seca: Pulsatilla C30, a cada seis horas.